quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Filé bêbado

Definitivamente o encontro do ócio, comigo, Namorado e um filé rende bons resultados.

E foi assim que uma peça de filé que ia virar um strogonoff, virou algo completamente diferente. Na verdade, na verdade me deu foi peguiça de cortar a peça, dourar os pedacinhos aos poucos, flambar e seguir com o molho. Mais peguiça ainda me deu de limpar tudo depois. De modo que chamei para uma reunião na pia da cozinha os envolvidos (eu, Namorado e o filé) e decidimos que o filé ia para o forno inteirão mesmo temperado com alho, salsa, cebolinha, shoyo, sal e a metade da garrafa de vinho tindo que havia sobrado da noite anterior.

Deixamos o filé marinando nesse mistura por uma meia hora, o tempo de bebericar 2 latinhas de cerveja e de cortar algumas cebolas em rodelas para fazer uma "cama" para o filé, de descascar algumas batatas e cortá-las em pedaços médios para que assassem juntinho com o filé.

Deitamos o filé na caminha de cebola, cobrimos tudo com a marinada e arrumamos as batatas ao lado do filé.
O antes:

Namorado (magrinho) lembrou do bacon que estava na geladeira e cobrimos o filé com algumas fatias de bacon. Tudo foi para o forno por cerca de meia hora e o resultado ficou divino. Até irmã que não é muito fã das carnes vermelhas fez uma versão do filé bêbado.
E o depois:

2 comentários:

marianamiranda disse...

Esse título ficou engraçadíssimo... rs

Anônimo disse...

Hum ... uma carne no vinho sempre fica bom!!

Outra bebida que combina bem é o Whisky. Segue uma receita que eu achei na net, fiz e AMEI.

Filé Mignon no Whisky