sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

A lasagna do retorno


Andei afastada do trabalho, das corridas, dos amigos e da cozinha durante alguns dias, por causa de uma dor na coluna que surgiu não sei de onde e que nessa última semana atingiu seu auge.
Ontem, depois da primeira seção de fisioterapia, me animei a voltar para a cozinha (para os amigos eu volto no fim de semana e para as corridas na semana que vem), prometi para o namorado que faria algo muito rápido pra não correr risco de sentir dor de novo. O coitado não agüenta mais me “rebocar” de todos os lugares que eu sento!
E para completar namorado está com dor de garganta.
Ê casal sadio!
Precisava fazer algo fácil, rápido e macio para namorado poder comer; fui de lasagna!

Usei aquela massa que vai direto para o forno sem precisar cozinhar antes (tenho vontade de fazer um busto para quem inventou isso), muito molho de tomate, porque a massa cozinha no molho. Para “quebrar” um pouco a acidez pinguei umas colheradas de molho branco por cima do molho de tomate. E aí o de sempre: Molho, massa, molho, presunto, queijo e assim sucessivamente até terminar com queijo e molho. Levei ao forno coberto com papel alumínio por 20 minutos, depois tirei o papel e deixei gratinar por mais uns 10 minutinhos.

Não levava muita fé não, mas não é que ficou boa a danada?!

Um comentário:

Namorado disse...

Estava divina! "De comer rezando"!